Testemunha de Lula: Wagner afirma que não foi notificado

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Quanto à operação Cartão Vermelho, em que é alvo de investigações pelo superfaturamento das obras e gestão da Arena Fonte Nova, o petista disse preferir se “defender nos autos”

Luís Filipe Veloso / Rodrigo Daniel Silva

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaques Wagner (PT), afirmou nesta segunda-feira (12) que não foi notificado para ser testemunha do ex-presidente Lula no processo que envolve o Sítio de Atibaia, em São Paulo. “Mas se ele me colocar como testemunha irei com prazer”, emendou o petista.

Durante a cerimônia de filiação do deputado estadual Marcelo Nilo e do secretário de Administração Penitenciária, Nestor Duarte, ao PSB, o ex-governador disse preferir se defender das acusações da operação Cartão Vermelho “nos autos”; a ação investiga o superfaturamento na demolição, reconstrução e gestão da Arena Fonte Nova.

“Eu agora vou me defender. Estou me preparando e os advogados já entraram com algumas peças. Na verdade, só tem uma investigação e eu acho muito estranho as afirmações que são feitas”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×